17 de jun de 2011

GREVE A ARMA DO CIDADÃO...

OLÁ GALERA,

bom não podia deixar de comentar a mais uma greve que assola nosso estado agora não só o Rio de Janeiro MAIS TAMBÉM  Mato Grosso ,Minas Gerais ,Rio Grande do Norte, Santa Catarina, Amapá....
É uma vergonha o salário desses profissionais, que cuida nada menos dos futuros cidadãos, presidentes, médicos, bombeiros, policiais e tantos outros que não perdem em nada para os aqui citados. O ESTADO DO RIO DE JANEIRO é o estado que tem a maior arrecadação de tributos ou seja impostos desde as grandes empresas até o  pai de família com o menor extrato social(renda ,salário).

O que a população não só do RIO e as dos demais ESTADOS querem saber é o que estão fazendo com os nossos tributos???Bom nos outros estados eu não sei responder mais no meu ESTADO eu sei...

NOSSO DINHEIRO TEM SIDO EMPREGADO PARA LUXO DOS VEREADORES...NADA MENOS DO QUE CARROS NO PEQUENINO VALOR R$ 65 MIL....

O GOVERNADOR A MINHA PERGUNTA É:

“COMO TEM DINHEIRO PARA COMPRAR UMA FROTA DE CARROS PARA SER MAIS EXATO 51 UNIDADES E NÃO TEM DINHEIRO PARA PAGAR UM SALÁRIO DIGNO AOS PROFISSIONAIS QUE PRESTAM SERVIÇOS E AO MESMO TEMPO PAGAM TRIBUTOS A ESSE ESTADO???

Fica aqui mais uma vez registrada a minha indignação!

O ESTADO DO RIO É O MAIOR EM ARRECADAÇÃO E É O QUE MENOS INVESTE EM EDUCAÇÃO, SEGURANÇA E SAÚDE.

VALE RESALTAR QUE UM PROFESSOR NO RIO TEM QUE TRABALHAR EM MAIS DE UMA ESCOLA PARA PODER SUSTENTAR SUA FAMILIA.

OUTRA COISINHA QUE VALE RESSALTAR É:

Um ano extra de escolaridade aumenta a renda individual em até 10%. Cada ano adicional de escolaridade aumenta a média anual do PIB em 0,37%.
171 milhões de pessoas poderiam sair da pobreza se todos os estudantes em países de renda baixa deixassem a escola sabendo ler.
Na América Latina, crianças cujas mães tiveram educação secundária continuam na escola dois ou três anos a mais do que aquelas cujas mães têm menos escolaridade.
Uma criança cuja mãe sabe ler tem 50% mais chances de sobreviver depois dos 5 anos de idade.
A educação ajuda as pessoas a tomarem decisões que atendem às necessidades do presente sem prejudicar as gerações futuras.
443 milhões de dias letivos são perdidos globalmente devido a doenças relacionadas à água.
Mais de 2,6 bilhões de pessoas ainda não têm acesso a saneamento básico e 1,1 bilhão de pessoas não têm acesso regular a água potável.
Como resultado, a cada ano 1,8 bilhão de crianças morrem de diarreia.

NÃO É INTERRESSANTE PARA OS PODEROSOS DESSE PAÍS QUE A POPULAÇÃO TENHA ACESSO A EDUCAÇÃO AFINAL UMA POPULAÇÃO POLITISADA NÃO SE DEIXARÁ MANIPULAR...

CIDADE MARAVILHOSA COM GOVERNANTES ORDINÁRIOS E INCONSEQUENTES...

Nenhum comentário:

Postar um comentário